Conhecimento

CENTRO DE CONHECIMENTO ESAB

Desde a invenção do eletrodo revestido em 1904 por Oscar Kjellberg, a ESAB teve um papel ativo na descoberta e desenvolvimento de processos de soldagem.

O Centro de Conhecimento ESAB contém vasto conteúdo e informações para todos os profissionais do segmento de soldagem e corte.

Máquina de Solda com Eletrodos - Inversor ou Transformador?

O transformador de solda tem sido largamente utilizado nos últimos anos, mas a tecnologia digital chegou também às máquinas de solda. Por isso, na hora de adquirir um equipamento para soldagem com eletrodos, qual é a diferença entre Inversor ou Transformador? TECNOLOGIA Os transformadores são basicamente constituídos por um núcleo revestido por enrolamento de bobinas de cobre. Trabalham em corrente alternada (CA) e os valores de corrente e tensão são alterados através da posição do núcleo. Possuem algumas limitações de acordo com tipo de eletrodo devido a construção física do equipamento.   Os inversores são constituídos por circuitos eletrônicos, garantindo eficiência e conforto na mudança ...

O transformador de solda tem sido largamente utilizado nos últimos anos, mas a tecnologia digital chegou também às máquinas de solda. Por isso, na hora de adquirir um equipamento para soldagem com eletrodos, qual é a diferença entre Inversor ou Transformador? TECNOLOGIA Os transformadores são basicamente constituídos por um núcleo revestido por enrolamento ...

Saiba mais

Recuperação de peças de Ferro Fundido trincadas

É conhecido como “ferro fundido”, ou “fofo”, o grupo de ligas de ferro que possui teor de carbono superior a 2%. Diferentes tipos de ferros fundidos (cinzento, nodular, branco e maleável, entre outros) podem ser obtidos em função da adição de elementos de liga ou do tratamento térmico imposto durante sua fabricação. Esse grupo de ligas apresenta soldabilidade variável, sendo, em geral, mais difícil que a dos aços carbono e baixa liga.

São duas as técnicas empregadas na recuperação por fusão desses materiais: soldagem a quente e a frio.

Soldagem a quente

É empregada quando são desejadas propriedades mecânicas e aspecto visual (coloração) próximo ao material a ser soldado. Nessa ...

É conhecido como “ferro fundido”, ou “fofo”, o grupo de ligas de ferro que possui teor de carbono superior a 2%. Diferentes tipos de ferros fundidos (cinzento, nodular, branco e maleável, entre outros) podem ser obtidos em função da adição de elementos de liga ou do tratamento térmico imposto durante sua fabricação. Esse grupo de ligas apresenta soldabilidade ...

Saiba mais

Cabos de Engate Rápido - Você está usando corretamente?

Os cabos da sua máquina de solda estão esquentando, derretendo, estragam rápido ou qualquer outro defeito? Talvez você está fazendo alguma coisa errada!

#dicaESAB - Você deve enroscar o cabo de engate rápido até o final e se certificar que está bem conectado antes de ligar seu equipamento.

Os cabos de engate rápido já são utilizados em diversas máquinas de solda, de diferentes modelos, tamanhos e processos. São um recurso importante que traz várias vantagens ao soldador, comparando aos cabos mais antigos:

Mais rápidos e fáceis de conectar, no caso de se deslocar com o equipamento. Mais seguros, pois criam uma blindagem das partes interligadas. Seguem um padrão de encaixe, ...

Os cabos da sua máquina de solda estão esquentando, derretendo, estragam rápido ou qualquer outro defeito? Talvez você está fazendo alguma coisa errada!

#dicaESAB - Você deve enroscar o cabo de engate rápido até o final e se certificar que está bem conectado antes de ligar seu equipamento.

Os cabos de engate rápido já são utilizados em diversas ...

Saiba mais

A Tecnologia QSet™- Ajuste automático dos parâmetros

Encontrar o equilíbro correto entre a velocidade de alimentação do arame a taxa de deposição é crucial para uma soldagem curto-circuito. Esta é a função do QSet™ - a mais moderna tecnologia ESAB para soldagem MIG/MAG - ele mede e controla de forma contínua o padrão de curto-circuito e ajusta automaticamente a tensão. E mais, ele não requer nenhuma informação prévia relativa ao tipo e diâmetro do arame, gás de proteção, stick-out ou outros fatores que afetam o curto-circuito. Somente é necessário efetuar uma soldagem teste para determinar a relação ideal, e a partir daí, o controle do processo passa a ser digital. Estas características tornam o QSet™ a tecnologia ideal para soldagem de passe ...

Encontrar o equilíbro correto entre a velocidade de alimentação do arame a taxa de deposição é crucial para uma soldagem curto-circuito. Esta é a função do QSet™ - a mais moderna tecnologia ESAB para soldagem MIG/MAG - ele mede e controla de forma contínua o padrão de curto-circuito e ajusta automaticamente a tensão. E mais, ele não requer nenhuma ...

Saiba mais

Como otimizar a soldagem MIG em alumínio?

 

  Use a identificação correta das dimensões do bico de contato. Os bicos de contato mais longos melhoram a alimentação do arame. O diâmetro do furo da ponta do bico de contato deve ser aproximadamente 10% maior do que o diâmetro do eletrodo. Os fabricantes possuem produtos específicos para soldagem de alumínio.   Verifique as conexões de saída de água e do gás inerte. Use uma mangueira Tygon para o gás inerte. Não troque linhas da água e de gás inerte.   Mantenha uma relação apropriada entre a ponta do bico de contato e o bocal. A ponta do bico de contato deve estar recuada em relação ao bocal a uma distância de 1.6 a 6.4 mm no máximo.   Use a fonte de energia correta. A ...

 

  Use a identificação correta das dimensões do bico de contato. Os bicos de contato mais longos melhoram a alimentação do arame. O diâmetro do furo da ponta do bico de contato deve ser aproximadamente 10% maior do que o diâmetro do eletrodo. Os fabricantes possuem produtos específicos para soldagem de alumínio.   Verifique as conexões ...

Saiba mais

O Sufixo G nas normas ASME SFA/AWS A5.5

O sufixo "-G" das classificações da norma ASME SFA 5.5 ou AWS A5.5 significam que o eletrodo revestido deve gerar um metal de solda com uma composição química que tenha no mínimo o teor especificado abaixo para pelo menos um dos elementos químicos citados na tabela:

Eletrodo Revestido Mn Si Ni Cr Mo Elementos Adicionais EXX10-G 1,00 min 0,80 min 0,50 min 0,30 min 0,20 min V 0,10 / Cu 0,20 EXX11-G 1,00 min 0,80 min 0,50 min 0,30 min 0,20 min V 0,10 / Cu 0,20 EXX13-G 1,00 min 0,80 min 0,50 min 0,30 min 0,20 min V 0,10 / Cu 0,20 EXX15-G 1,00 min 0,80 min 0,50 min 0,30 min 0,20 min V 0,10 / Cu 0,20 EXX16-G 1,00 min 0,80 min 0,50 min 0,30 min 0,20 min V 0,10 / Cu 0,20 EXX18-G 1,00 ...

O sufixo "-G" das classificações da norma ASME SFA 5.5 ou AWS A5.5 significam que o eletrodo revestido deve gerar um metal de solda com uma composição química que tenha no mínimo o teor especificado abaixo para pelo menos um dos elementos químicos citados na tabela:

Eletrodo Revestido Mn Si Ni Cr Mo Elementos Adicionais EXX10-G 1,00 ...

Saiba mais

Soldagem de Ligas de Alumínio com Qualidade

Porosidade no cordão de solda Porosidade no metal de solda de ligas de alumínio é um dos defeitos de maior ocorrência na soldagem deste material. Essa porosidade tem como origem o aprisionamento de hidrogênio (gases) durante o processo de solidificação. O hidrogênio é altamente solúvel no alumínio fundido, como pode ser observado na figura abaixo, motivo pelo qual, durante a soldagem das ligas de Al, é consideravelmente elevada a probabilidade da ocorrência de porosidade.

Este gás pode ser introduzido não intencionalmente durante a soldagem, através da contaminação da área a ser soldada, como, por exemplo, por hidrocarbonetos ou umidade. Como boas práticas para minimizar a ocorrência ...

Porosidade no cordão de solda Porosidade no metal de solda de ligas de alumínio é um dos defeitos de maior ocorrência na soldagem deste material. Essa porosidade tem como origem o aprisionamento de hidrogênio (gases) durante o processo de solidificação. O hidrogênio é altamente solúvel no alumínio fundido, como pode ser observado na figura abaixo, ...

Saiba mais


ESAB no YouTube


Apostilas de Treinamento

Além da linha completa com todos os produtos para soldagem e corte, a ESAB oferece ainda material de estudo para treinamento de soldadores e profissionais do segmento.
Aqui você encontrará apostilas em formato .PDF, com download gratuito.


x

Encontre o Distribuidor mais próximo