Novo sistema de corte chanfrado aumenta produtividade e segurança

01/Agosto/2017

A ESAB apresenta o chanfrador plasma automatizado – DMX, a nova geração de sistema chanfrador que traz um aumento significativo de performance através de um design simples e compacto. O DMX oferece alta precisão, segurança aprimorada e facilidade de operação. Capaz de cortar a faixa completa de juntas para soldagem, incluindo os chanfros em V, Y, X e K, com ângulos de até 45º em materiais de até 50mm. (veja o vídeo).  

O chanfrador DMX é compatível com a recém lançada tecnologia SmartBevel™, para facilidade de operação e um corte preciso, com intervenção mínima do operador. A SmartBevel inclui dados de chanfros e compensações necessários para cortar chanfros em V, Y, X e K em aço carbono de 6 a 50mm de espessura. Ao contrário dos sistemas concorrentes, SmartBevel integra todas as operações no CNC. Então a programação é simplificada e os ajustes finos são feitos de maneira rápida e direto na máquina. 

O Diferencial da DMX 

A ESAB utilizou um novo conceito para criar um movimento em 5 eixos, utilizando um motor de acionamento direto para reduzir a complexidade do processo e eliminar a necessidade de proteção contra acidentes, entregando um posicionamento preciso. O motor de acionamento direto elimina caixas de engrenagens, correias, polias, limita disjuntores e cabos expostos. Este movimento permite que o DMX detecte e absorva uma falha da tocha sem componentes adicionais, além de reiniciar automaticamente após uma colisão sem que o operador toque a tocha ou suba na mesa de corte. Este reinicio rápido resulta em aumento de produtividade e elimina tarefas perigosas do operador durante o processo de corte. 

A redução de complexidade gerada pela tecnologia do motor de acionamento direto aumenta tanto performance quanto confiança, e permite um desenho extremamente compacto. De acordo com Steve Zlotnicki, Gerente Global de Produtos ESAB Cutting Systems, “a tecnologia do motor de acionamento promove posicionamento extremamente preciso com folga zero, e trabalha com mudanças rápidas de direção." 

Reduzir o tamanho e o peso do cabeçote chanfrador gera vantagens adicionais. O chanfrador DMX é significativamente menor e mais leve que as cabeças chanfradoras plasma tradicionais, então pode ser instalada em pórticos menores, tornando a qualidade do corte plasma chanfrado mais acessível e economizando um espaço valioso na fábrica. DMX está disponível para a ESAB Combirex DX e mesas maiores. 

O chanfrador DMX também utiliza o movimento composto para fornecer um corte chanfrado em qualquer direção. Este sistema de movimento não tem limite de rotação e, portanto, elimina a necessidade de desenrolar os cabos da tocha ou pré-posicionar a cabeça, o que otimiza ainda mais o tempo e a produtividade. Também prolonga a vida útil da tocha ao não torcer os cabos. 

O Sistema de Proteção anti-colisão multiponto oferece uma proteção completa para a cabeça chanfradora. Múltiplos sensores são utilizados para proteger as partes que se aproximam mais da mesa de corte. O chanfrador DMX protege ainda todas as mangueiras e cabos do ambiente severo do corte plasma. A cabeça possui um conjunto completo de capas que protegem todos os componentes, além de uma esteira completamente fechada para proteger todas as mangueiras e cabos. Uma proteção estilo robótico também protege os fios da tocha. 

Procure um representante ESAB e conheça mais da DMX.

DMX automated plasma beveller.

x

Encontre o Distribuidor mais próximo

x

x

Loading..